Corretores forex autorizados sebi

corretores forex autorizados sebi

São as estratégias de negociação que conduzem todas as análises de dados de mercado em tempo real e tomam decisões comerciais sobre a compra ou venda de determinados pares de moedas. a determinados preços.

O gerente de estratégias de execução é projetado para gerenciar diferentes forex treinamento los angeles de pedidos (por exemplo, IOC e GTC, etc. ) e colocar pedidos no mercado de maneira inteligente e eficiente para obter uma alta taxa de sucesso em sua execução. É muito importante que um mecanismo de HFT seja capaz de capturar o melhor tempo para sua execução nesta competição de microssegundos. O Risk analítico calcula as exposições ao risco em tempo real e as medidas das atividades de negociação de alta frequência. É a ferramenta para os comerciantes monitorarem os processos de negociação automática que são iniciados pelas estratégias de hedge.

Os operadores confiam no risco analítico em termos de execução de intervenção humana para o mecanismo de negociação de alta frequência. Compartilhe se você gosta. Palavras-chave: forex fx risco EURUSD EURGBP EURJPY. A FXCM e o CEO Drew Niv foram banidos dos EUA: detalhes completos dos vários anos de negociação da FXCM contra clientes. A FXCM sempre disse aos clientes que eles negociavam na plataforma de mesa eletrônica da FXCM, no entanto, a empresa tinha um interesse não revelado na formadora de mercado que consistentemente "ganhou" o volume de negociação da FXCM e estava tomando as posições opostas melhor forex vps 2018 clientes de varejo da FXCM.

Ontem, em uma explosão extraordinária, a Commodity Futures Trading Commission (CFTC) tomou a decisão de proibir a gigante norte-americana de transações eletrônicas FXCM e seu CEO Drew Niv de operar no mercado norte-americano. Em seus autos e ordenando a instauração de processo com relação ao Ato de Troca de Mercadorias que impõe sanções corretivas, a CFTC tem razões para acreditar que Dror (Drew) Niv e William Ahdout violaram o Ato de Troca de Forex-trading-made-ezfx022317 html e os regulamentos da CFTC aos quais ambos responderam uma oferta de liquidação.

Negociando contra os clientes, enquanto ao mesmo tempo mantendo que a empresa usou um modelo de mesa sem negociação.

De 4 de setembro de 2009 até pelo menos 2014, a FXCM e a FXCM Holdings, através de seus diretores, funcionários e agentes, incluindo os Respondents Niv e Ahdout, corretores forex autorizados sebi de solicitações falsas e enganosas dos clientes de câmbio da FXCM.

A Forex investors forum representou para seus clientes de varejo que, quando negociavam forex na plataforma No Dealing Desk da FXCM, a FXCM não teria nenhum taxas de juro de interesse. De acordo com essas representações, os lucros ou perdas dos clientes de varejo seriam irrelevantes para o resultado final da FXCM, porque o papel da FXCM nos negócios dos clientes era meramente como um intermediário de crédito.

De acordo com a FXCM, o risco seria suportado pelos bancos e outros market makers independentes que proporcionassem liquidez à plataforma. Ao contrário dessas representações, a FXCM tinha um interesse não revelado no formador de mercado que consistentemente ganhou a maior fatia do volume de negociações da FXCM - e, portanto, estava tomando posições em oposição aos clientes de varejo da FXCM. Aquele criador de mercado era uma firma de startups apoiada pela FXCM que foi fundada por um ex-executivo da FXCM enquanto ele trabalhava na FXCM, que operou pelo primeiro ano de sua existência fora dos escritórios da FXCM, e que compartilhou a maioria de seus lucros comerciais com FXCM.

A FXCM também fez falsas declarações à equipe da NFA para ocultar seu papel na criação de seu principal criador de mercado, bem como o papel anterior do proprietário do criador de mercado como executivo da FXCM.

Mssrs Niv e Ahdout dirigiram e controlaram as operações da FXCM ao longo do período relevante e foram responsáveis, direta ou indiretamente, pelas violações aqui descritas. Niv foi responsável, direta ou indiretamente, pelas declarações falsas feitas à NFA. A FXCM, fundada em 1999 e que se tornou FCM registrada em 2001, fornece ao varejo um ambiente de negociação FX e atua como contraparte em transações com seus clientes de varejo nos quais os clientes podem comprar uma moeda e simultaneamente vender outra, e em 31 de julho de 2016 A FXCM tinha mais de 20. 000 contas ativas de clientes de varejo representando mais de US 170 milhões em passivos. Até aproximadamente 2007, a FXCM fornecia liquidez a seus clientes forex de varejo principalmente através de uma mesa de operações interna - uma divisão da FXCM que determinava os preços oferecidos aos clientes e mantinha posições em frente aos clientes.

Por volta de 2007, a FXCM passou da utilização de uma mesa de negociações para negociar com os clientes e usar o que chamou de modelo de agência para a maioria de seus clientes forex, que descreveu aos clientes como fornecedores de forex trading. (FXCM usando sua mesa de operações para negociar com clientes de varejo, pelo contrário, foi referido como o modelo "principal". ) Considerando que um corretor de mesa de negociação age como um criador de mercado e pode estar negociando contra sua posição, a FXCM alegou que seu modelo de agência eliminou aquele grande conflito de interesse entre corretor e cliente de varejo.

No modelo de agência da FXCM, as cotações de preços foram fornecidas não pela mesa de operações interna da FXCM, mas pelos bancos e outros market makers de terceiros - às vezes também chamados de provedores de liquidez ou LPs. A FXCM explicou seu modelo de agência aos seus clientes da seguinte forma: Quando nosso cliente executa uma negociação com a melhor cotação oferecida por nossos formadores de mercado de câmbio, atuamos como um intermediário de crédito, ou principal sem risco, entrando simultaneamente em negociações compensatórias com o cliente.

e o criador do mercado de câmbio. A FXCM alegou que a negociação em seu modelo de agência era diferente de uma corretora porque: Nós ganhamos comissões e comissões adicionando uma marcação ao preço fornecido pelos formadores de mercado de FX e geramos nossas receitas de negociação com base no volume de transações, não lucros ou perdas comerciais. A FXCM cria um sistema de negociação algorítmica para negociar com clientes opostos. Em 2009, Niv, Ahdout e outros na FXCM formularam um plano para criar um sistema de negociação algorítmica - um programa de computador FXCM que poderia fazer mercados para os clientes da FXCM e assim substituir ou competir com os criadores de mercado independentes na plataforma No Dealing Desk da FXCM.

Mssrs Niv e Ahdout contrataram um trader de alta frequência para uma posição de Diretor Administrativo na FXCM. O contrato de emprego da HF Trader, assinado pelo trader HFT e Mr Ahdout, previa que a FXCM pagaria ao HFT Trader um salário base mais um bônus de 30 dos lucros gerados pelo sistema de negociação algorítmica da HFT Trader, com a FXCM mantendo os 70 restantes.

O HFT Trader começou a trabalhar para a FXCM em 5 de outubro de 2009 e, finalmente, desenvolveu o sistema de negociação algorítmica para FXCM. A FXCM desmembrou seu sistema de negociação algorítmica como uma nova empresa de propriedade do trader de alta frequência. No início de 2010, quando a HF Trader estava finalizando seu algoritmo de negociação, o departamento de Compliance da FXCM levantou preocupações de que negociar com clientes de varejo da FXCM poderia contradizer as declarações de marketing da FXCM sobre seu modelo No Dealing Desk.

A FXCM determinou que a HF Trader formaria sua própria empresa e operaria como um provedor de liquidez externo para FXCM. Em 23 de março de 2010, o HFT Trader formou sua nova empresa (doravante, HFT Co).

Mapa do Site | Direitos Autorais ©